Abaixo estão listados os requisitos básicos e alguns dos principais impedimentos temporários e definitivos para doação de sangue. No entanto, esta lista não esgota os motivos de impedimentos para doação, de forma que outras informações prestadas por você durante a triagem clínica serão consideradas para definir se está apto para doar sangue nesse momento.


Requisitos básicos

» Estar em boas condições de saúde.
» Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos, clique para ver documentos necessários e formulário de autorização).
» Pesar no mínimo 50kg.
» Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas).
» Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação).
» Apresentar documento original com foto recente, que permita a identificação do candidato, emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social).

 Impedimentos temporários

» Resfriado: aguardar 7 dias após desaparecimento dos sintomas.
» Gravidez
» 90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana.
» Amamentação (se o parto ocorreu há menos de 12 meses).
» Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação.
» Tatuagem / maquiagem definitiva nos últimos 12 meses.
» Situações nas quais há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis: aguardar 12 meses.
» Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia, Roraima, Maranhão, Mato Grosso, Pará e Tocantins são estados onde há alta prevalência de malária. Quem esteve nesses estados deve aguardar 12 meses.
» Qualquer procedimento endoscópico (endoscopia digestiva alta, colonoscopia, rinoscopia etc): aguardar 6 meses.
» Extração dentária (verificar uso de medicação) ou tratamento de canal (verificar medicação): por 7 dias.
» Cirurgia odontológica com anestesia geral: por 4 semanas.
» Acupuntura: se realizada com material descartável: 24 horas; se realizada com laser ou sementes: apto; se realizada com material sem condições de avaliação: aguardar 12 meses.
» Vacina contra gripe: por 48 horas.
» Herpes labial ou genital: apto após desaparecimento total das lesões.
» Herpes Zoster: apto após 6 meses da cura (vírus Varicella Zoster).
» Febre Amarela: quem tomou a vacina deve aguardar 04 semanas; quem contraiu a doença deve aguar
dar 6 meses após recuperação completa (clínica e laboratorial); e quem esteve em região onde há surto da doença deve aguardar 30 dias após o retorno.


Impedimentos definitivos

» Hepatite após os 11 anos de idade. *
» Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas.
» Uso de drogas ilícitas injetáveis.
» Malária.

* Hepatite após o 11º aniversário: Recusa Definitiva; Hepatite B ou C após ou antes dos 10 anos: Recusa definitiva; Hepatite por Medicamento: apto após a cura e avaliado clinicamente; Hepatite viral (A): após os 11 anos de idade, se trouxer o exame do diagnóstico da doença, será avaliado pelo médico da triagem.

Intervalo entre uma doação e outra:

» Homens - 60 dias (máximo de 04 doações nos últimos 12 meses).
» Mulheres - 90 dias (máximo de 03 doações nos últimos 12 meses).

Honestidade também salva vidas. Ao doar sangue, seja sincero na entrevista.


10 Comentários

  1. Oi Juliana , amei esse seu post, é muito bom saber que tem pessoas como você que aborda esse assunto , eu amo doar sangue , ama saber que posso esta salvando a vida de alguém, Parabéns Sucesso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já falei sangue 2 vezes, só não doei no ano passado pois eu havia ganhado bebê e como estou amamentando não posso doar, mais em breve vou estar doando novamente

      Excluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Oi ju, que post bacana!
    Eu sempre tive vontade de doar, esses dias atrás teve doação na minha cidade, porém estava trabalhando no dia e não consegui dispensa, mas acho muito bacana falar nesse assunto, parabéns!!!

    ===> https://deualoucanatatau.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  4. Muito instrutivo seu post, eh muito bom saber dessas coisas importantes

    ResponderExcluir
  5. Você só esqueceu de dizer que homossexuais também não podem doar sangue, infelizmente. É um impedimento definitivo. É bem legal ver esse tipo de post, mas eu fico realmente chateado quando lembro disso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente a nossa sociedade ainda pensa desta forma, pois para mim se você não tem nenhuma doença então nada deveria te impedir de doar sangue

      Excluir
  6. Aiww que mara, aprendi muita coisa. É algo tão simples mas que pode salvar uma vida, né? Adorei a proposta do post. ♡ xoxo, Blog B de Bia

    ResponderExcluir
  7. Sou doadora e acho o máximo qnd vejo algum blog divulgando a doação. Parabéns!

    ResponderExcluir
  8. Hey Ju! Esse é um post de utilidade pública mesmo! Literalmente! Meus parabéns pela iniciativa, viu! :)
    E que mais e mais pessoas possam ver, ler e compartilhar... e mais importante... doar sangue...
    Bjks!
    www.mundinhodahanna.blogspot.com

    ResponderExcluir

Em destaque

Como fazer a maquiagem durar o dia todo